Netflix compra direitos de exibição de filme de Edir Macedo

Depois de três meses no cinema, filme será disponibilizado na Netflix


Netflix compra direitos de exibição de filme de Edir Macedo

O filme Nada a Perder, cujo lançamento nos cinemas está previsto para o primeiro trimestre de 2018 teve seus direitos de exibição comprados pela Netflix. A obra contará a biografia do líder Edir Macedo.

A negociação envolveu a participação direta de Douglas Tavolaro, vice-presidente de jornalismo da Record TV, durante uma viagem feita a cidade norte-americana de Los Angeles.

O jornalista Flávio Ricco, da UOL, afirma que não há números oficialmente divulgados acerca da negociação, mas que supostamente é o valor mais alto pago pelo Netflix em uma produção que não é de língua inglesa.

Depois de três meses que o filme for lançado nos cinemas nacionais e internacionais, a produção audiovisual estará disponível no catálogo da Netflix, sob uma licença de cinco anos. Os planos de distribuição estarão válidos em diferentes países do mundo em que o serviço é ativo.

Produção

A obra, que já possui continuação confirmada para o ano de 2019, se baseia nos três livros da série Nada a Perder, best-sellers de Edir escritos por Douglas Tavolaro. Ao contrário dos três livros, a abrangência dos filmes é mais modesta e as obras serão condensadas em duas produções audiovisuais.

Petrônio Gontijo, que também participou em Os Dez Mandamentos, interpreta Edir Macedo em idade adulta e será, assim, o protagonista da trama do líder da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd). A versão mirim será de responsabilidade do ator Enzo Barone.

Além de Petrônio, o elenco envolve nomes como Dalton Vigh (Pérola Negra, O Clone), André Gonçalves (Alma Gêmea, Caminho das Índias), Eduardo Galvão (Malhação, Paraíso Tropical), Beth Goulart (Vidas em Jogo, A Terra Prometida), além de mais 130 atores.

A produção é uma parceria entre a Record e a Paris Filmes e conta com um recorde histórico no cinema nacional antes mesmo de sua estreia. Cerca de 80 países, até agosto deste ano, fecharam acordo de exibição e distribuição.




Deixe seu comentário!