MENU

“Eu só posso imaginar” estreia no Brasil retratando uma história real

Longa metragem é inspirado no grande sucesso “I Can Only Imagine”


Eu só posso imaginar (Cartaz)
Eu só posso imaginar (Cartaz)

O longa “Eu Só Posso Imaginar” acaba de ganhar seu cartaz oficial e também sua data de estreia, que será dia 29 de março. A obra cinematográfica foi inspirada pela canção “I Can Only Imagine”, do cantor e compositor Bart Millard.

O artista ainda é vocalista da banda norte-americana MercyMe, que teve o single como seu maior sucesso, revelando a jornada de superação e fé de Millard.

No cinema o ator J. Michael Finley dá vida a Millard, o jovem que sofreu durante a infância com o pai abusivo, interpretado pelo renomado ator Dennis Quaid.

A história mostra a relação de Millard com sua família e como conseguiu encontrar na música esperança e fé para lidar com os reveses da vida, principalmente com o distanciamento que há entre ele e seu pai.

Durante a trama, o jovem sonha em se tornar cantor e usa seu sofrimento para fortalecer sua carreira. Em busca do seu objetivo, Millard reencontra o amor, e é surpreendido por ensinamentos de fé, que irão ajudá-lo a perdoar e transformar seu pai.

Além de Dennis Quaid e J. Michael Finley, o longa reúne os atores Madeline Carroll, Cloris Leachman, Trace Adkins e Rhoda Griffis. Todos fazendo parte dessa história, cujo canção inspiradora já ganhou dois Dove Awards em 2002, dos quais um foi na categoria “Música Pop/Contemporânea do Ano” e outro na categoria “Música do Ano”.

O sucesso é tão grande que no Brasil artistas como Chris Duran, Eduardo e Silvana e Dayan Paiva já regravaram a música.



Assuntos:


Deixe sua opinião!

Mais notícias