MENU

“Eu só posso Imaginar” estreia nessa quinta-feira

Filme apresenta mensagem sobre o perdão e o poder transformador de Deus


Chega aos cinemas nessa quinta-feira (31) um dos filmes mais aguardados do ano pelo público cristão. “Eu só posso Imaginar” já emocionou milhares de pessoas em sua pré-estreia. Baseado em fatos reais, o drama conta a história por detrás da composição da canção de maior sucesso da banda MercyMe que também dá nome ao longa.

Cheio de altos e baixos, o filme apresenta uma mensagem comovente sobre o perdão e o poder transformador de Deus. Vocalista e autor da canção, Bart Millard, interpretado pelo ator J. Michael Finley vive uma infância muito difícil marcada por traumas e frustrações. Bart sofre com a partida da mãe e com os maus tratos de um pai violento, vivido pelo ator Dennis Quaid.

Leia mais

Ainda criança, descobre seu talento com a música. Já na adolescência, Bart sai de casa por causa das agressões e não demora muito para ele assumir o vocal da Banda MercyMe.

Enquanto Millard se distancia do convívio com seu pai, ele persegue o sonho de cantar e usa sua dor como inspiração para desenvolver sua. Nesta missão, o artista reencontra o amor, e é surpreendido por ensinamentos de fé, que irão ajudá-lo a perdoar e transformar seu pai.

Eu só posso imaginar
Eu só posso imaginar

A canção que inspirou o filme ganhou dois Dove Awards em 2002, dos quais um foi na categoria “Música Pop/Contemporânea do Ano” e outro na categoria “Música do Ano”. Millard também ganhou na categoria “Compositor do Ano”.

O grupo lançou o single em 1999. “I Can Only Imagine” chegou a ganhar dois Dove Awards em 2002, um foi na categoria “Música Pop/Contemporânea do Ano” e outro na categoria “Música do Ano”. Millard também ganhou na categoria “Compositor do Ano”. No Brasil, a canção já foi gravada por artistas como Chris Duran, Eduardo e Silvana, Giselle Di Mene e recentemente pelo Ministério Diante do Trono que gravou uma versão especial para o longa.

Assista trecho do filme:



Assuntos: ,


Deixe sua opinião!

Mais notícias